Publicado por: lilicasinger | outubro 28, 2009

Ping Pong

O Ping Pong é um restaurante inglês, que serve comida chinesa e que abriu uma filial em São Paulo no mês passado (a primeira filial fora da Inglaterra). Parece que chegou pra ficar de vez. Está sempre cheio e aparentemente conquistou o paladar dos paulistanos com a novidade da casa, os dim sum (pequenas porções de massa recheadas com carne, legumes ou frutos do mar). Essa iguaria já é conhecida há centenas de anos pelos orientais, mas é novidade no ocidente principalmente com os recheios inusitados e, certamente, não tão milenares assim.

O ambiente é bem moderno e tem clima de balada à noite. Os drinks e bebidas que ciruclam pelo salão são super coloridos e inovadores. Pra quem não quer bebida alcóolica e está cansado dos tradicionais sucos, não deixe de provar os chás gelados (de lichia ou melancia) ou os maravilhosos Flowering Teas. Estes vem com uma flor fechada num copo alto e com água quente. Depois de alguns minutos a flor abre e se transforma numa obra de arte. (O sabor não é tão bom assim, mas vale pela beleza).

Flowering Tea

Cada porção de dim sum vem com três unidades e custa entre R$9,00 e R$13,00. Os garçons sugerem que cada pessoa peça entre 4 ou 5 porções. Vá com calma. Eu acho que 3 porções já dão conta do recado. É melhor fazer os pedidos com calma e aos poucos, porque também ninguém quer comer dim sum frio.

O cardápio é extenso e um tanto “unfriendly”,  já que exige manobras para entender a descrição dos pratos e depois verificar se os mesmos estão na comanda (como a casa é nova, eles ainda não trabalham com todas as receitas oferecidas – uma pena!). O melhor jeito é trabalhar em dupla:

– Tem o 159?

– Tem!

– Marca aí, é pastelzinho de frango picante no vapor!

Mas existe algum tipo de organização, os dim sums são divididos em categorias: Assados, Fritos, No Vapor, Especialidades da Casa… Abaixo segue o que provamos de cada uma delas.

Aperitivos:

 Pra começar aceitamos a sugestão do garçon: 3 porções de aperitivos (R$ 2,50 cada). A Wasabi peas – ervilhas fritas com wasabi – que é MUITO picante. A Sichuan Mixed Nuts – nozes e amendoins apimentados e adocicados que é quase impossível e parar de comer e as Caramelized Walnuts, que também eram gostosas mas não tão especiais.

Wasabi peas, Sichuan Mixed Nuts, Caramelised Walnuts

Assados:

Os assados são feitos com massa folhada (não tão crocante quanto esperado) e recheios bem interessantes. Provamos o de frango com mel e abacaxi que estava ok e o de legumes e mel que estava delicioso.

A Vapor:

Spicy chicken dumpling

Nessa categoria provamos algumas combinações deliciosas e muito leves. Os preferidos foram o Spicy chicken dumpling (que vem em forma de esfiha), o Spicy pork dumpling e o Chicken and cashew nut dumpling – todos super picantes.

Chive dumpling

A foto acima é do Chive Dumpling (recheado de camarão e ciboulette). Nessa foto da pra ver como a massa desses “dumplings” são finíssimas.

Fritos:

Crispy Hoi Sin Duck Spring Roll

Não provei nenhum, mas o Crispy Hoi Sin Duck Spring Roll (rolinho primavera com pato crocante e cebolinha) fez muito mais sucesso do que o Crispy Prawn Balls (camarões  envoltos por macarrão com molho agridoce).

Crispy Prawn Balls

Especialidades da Casa:

Das três especialidades provamos apenas uma, o Spicy Pork Fillet, um filé suíno super macio com molho de capim santo e bem picante. Na minha opinião foi o melhor da noite.

Spicy Pork Fillets

Legumes:

Spicy Mango and Mushrooms

Dos legumes, pedimos a Spicy Mango and Mushrooms – vários cogumelos com molho picante de manga (que não estava tão picante assim). Esse foi o prato que menos fez sucesso, talvez pela combinação dos ingredientes que pareciam ora combinar, ora formar uma mistura estranha.

Além dessas “categorias” eles também servem salada, sopa, arroz e os famosíssimos pãezinhos feitos no vapor e recheados de carne suína ou legumes que não conseguimos provar porque não estavam presentes na comanda. Pra compensar, provamos a sobremesa Chocolate bun, que são esses pãezinhos feitos no vapor, só que com recheio de chocolate meio amargo. Estava bem gostoso, mas não era sensacional. A textura é diferente, é uma massa grossa macia e leve.

Chocolate Bun

Enfim, é um lugar muito interessante e agradável. E a magia de provar diversas iguarias “milenares” num ambiente super contemporâneo enquanto bate papo com amigos e bebe um dos drinks lindíssimos é muito maior do que o sabor da comida. Vale a pena experimentar e voltar sempre que der vontade de fazer um programa diferente.

Ping Pong

Rua Lopes Neto, 15, Itaim Bibi
Tel: 3078-5808

Anúncios

Responses

  1. Passei na frente do restaurante fds passado e tava BEM cheio, acabamos não entrando. Agora que vi seu post fiquei com vontade… anotado!

    • Vale muito a pena experimentar! Fui numa terça feira às 20h e estava bem tranquilo, mas depois de 1h mais ou menos ficou lotado…
      Ahh.. e eles fazem reserva se precisar!

  2. […] Hong Kong, a comida chinesa mais comum são os famosos dumplings ou dim sum (a comida do Ping Pong). São bolinhos feitos no vapor, assados ou fritos com recheio de carne, frutos do mar ou vegetais. […]

  3. […] Ping Pong […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: