Publicado por: lilicasinger | maio 17, 2010

Gastronomia na China

Alguns dias antes de embarcar para a China, estava morrendo de medo da comida de lá. Enchi a mala de barrinhas de cereais e, para a surpresa de todos, elas voltaram intactas para o Brasil. Durante a viagem, mandei um email para uma amiga minha falando que a comida chinesa era deliciosa, e ela escreveu: “Como assim?? O que os chineses comem além de macarrão e fritura??”. Os chineses comem de tudo: carne de vaca, de porco, frango, pato, peixe, frutos do mar e muitos legumes/vegetais  – nem os vegetarianos passam fome na China!

 Acho que o que assusta os turistas antes da viagem é a propaganda de que um banquete para os chineses é repleto de grilos, escorpiões, cobras e qualquer outro bicho esquisito. De fato, existe uma feira noturna em Pequim – a Wangfujing Night Market – que oferece diariamente espetinhos de todos os insetos que se pode imaginar. Acontece que essa feira é simplesmente turística, os chineses não se deliciam com lesmas. Vale a pena visitar, e pra quem tiver coragem, provar as iguarias que custam em média R$2,50.

Barraquinha da Wangfujing Night Market com ouriços, lesmas, mini tubarões e estrelas do mar

Cavalo-marinho no espeto – hmmmmm

Gafanhotos crocantes

Para os curiosos, eu NÃO comi nada na feira, apesar de ter barraquinhas totalmente vegetarianas para aqueles que não encaram coisas exóticas (você não pára de ouvir: “no meat, no meat!!”).

Cozinha do Norte da China – Hot Pot Mongol

O Hot Pot é como se fosse um fondue chinês. Uma panela de cobre fica no centro da mesa com água quente ou algum caldo quente (normalmente picante). Nesse caldo você mergulha fatias finíssimas de carne, cogumelos de todos os tipos, verduras e macarrão, espera uns minutinhos e pesca de volta a sua comida, tempera com um molhinho de gergelim e soja (bem forte) e come. É bem gostoso e ótimo para se aquecer nos dias frios.

 

Cozinha do Sul da China (Yunnan)

Essa foi a minha cozinha preferida. Os pratos são menos oleosos, com mais ingredientes frescos, um tempero ótimo e bastante apimentado. Em Pequim comemos em dois restaurantes ótimos, o “No Name” – que fica no lago Hohai, e o “Middle 8” – que fica em Sanlitun, o bairro onde moram os estrangeiros (ou melhor, laowais). Apesar do nome em inglês, ninguém nos restaurantes falava uma palavra de inglês. Nossa sorte era que os cardápios tinham tradução, conseguimos escolher os pratos sem grandes dificuldades.

Camarão com ervas no No Name

Arroz Vegetariano no No Name

Cogumelos deliciosos no Middle 8

Bolinhos de pato com molho picante no Middle 8

Outro restaurante muito bom desse tipo de comida é o Lost Heaven (lá, vários atendentes falavam inglês!!!) em Shanghai. As fotos que tirei ficaram muito escuras, isso porque o restaurante é super charmoso e romântico e a luz é bem baixa. Nesses 3 lugares (que eram restaurantes mais arrumadinhos) a conta não passou de 300 yuans – R$ 75 para duas pessoas  (sem bebida alcoólica). Restaurantes equivalentes aqui em São Paulo resultariam numa conta de pelo menos R$ 150.

Pato Laqueado de Pequim

Pequim é famosa pelo pato laqueado, e quem vai lá TEM que provar. A cidade tem diversas redes especializadas e que existem há mais de 100 anos. Nós fomos no Quan Ju De Roast Duck, que fica na Qianmen Dajie (uma rua muito charmosa, imperdível). Um pato serve bem 2 pessoas e junto com bebidas + serviço sai 320 yuans ou R$ 80 (esse foi um dos poucos restaurantes em Pequim que cobrou serviço. No geral eles não cobram e não aceitam gorjeta, nem tente dar). Alguns minutos depois de fazer o pedido, aparece um cozinheiro empurrando um carrinho com o pato, pronto para fatiá-lo na frente dos clientes.

Pato Laqueado do Quan Ju De Roast Duck

O ritual é interessante e muito rápido. Um pato grande não rende mais do que 2 pratos pequenos de lascas de carne: eles separam apenas a melhor parte para servir aos clientes. Junto do pato, cada cliente recebe uma cestinha de bambu com panquecas quentinhas, um molho escuro meio adocicado muito gostoso, cebola fatiada e cebolinha cortadinha. Com todo o arsenal, é só montar as panquequinhas de pato e tentar comer com os palitinhos. Eu desisti logo, comi com a mão mesmo. O pato é muito gostoso, a carne é bem úmida. A pele é o destaque, mas é difícil comer muito, porque é bem gordurosa.

Pato depois de fatiado no Quan Ju De Roast Duck

 

Dim Sum – Comida de Hong Kong

Em Hong Kong, a comida chinesa mais comum são os famosos dumplings ou dim sum (a comida do Ping Pong). São bolinhos feitos no vapor, assados ou fritos com recheio de carne, frutos do mar ou vegetais. São servidos nas cestinhas de bambu, sempre bem quentinhos e em porções de 3 a 6 unidades. Esse tipo de culinária é encontrada na China inteira, principalmente em pequenos estabelecimentos que cozinham esses bolinhos na calçada e vendem a qualquer hora do dia.

Dim Sum feito no vapor

Dim Sum de carne de porco no Crystal Jade

Um restaurante que gostamos bastante de Dim Sum é o Crystal Jade, que é uma rede e tem unidades em Shanghai e Hong Kong, além de muitos outros lugares.

Hong Kong é uma cidade mais cara (quase o preço de São Paulo), mas tem muitas opções de restaurantes chineses e restaurantes ocidentais. A Lan Kwai Fong é uma ladeira com escadas rolantes cheia de bares e restaurantes. É um lugar muito legal e muito agitado. Lá fomos num bar russo, que tem uma sala de gelo, ideal para provar as vodkas aromatizadas. Fomos também num restaurante/bar (SEVVA) que fica na cobertura de um dos prédios gigantes da cidade e tem uma vista LINDA. Lá é tudo caro, então tomamos apenas um drink e valeu super a pena.

Outros pratos comuns

No passeio que fizemos para a muralha (fomos para Simatai e Jinshanling, partes menos turística e originais da muralha – muito lindo), almoçamos num albergue super simples. Estávamos em cinco pessoas e um dos pratos que provamos foi o famoso frango xadrez. Estava muito melhor do que os que a gente prova por aqui, e muito mais apimentado também. Tudo bem que o frango veio com umas minhoquinhas vermelhas (sim, elas faziam parte do prato, não estavam lá por acaso), mas eu simplesmente separei e fingi que estava tudo normal.

Frango xadrez com minhoquinhas

Muitas das refeições chinesas são o tradicional noodle soup – macarrão servido mergulhado num caldo saboroso (como o sobá japonês). É um prato comum, todo mundo come isso toda hora, inclusive no café da manhã. As fotos abaixo são de um restaurante muito charmosinho em Shanghai chamado 1001 Noodles, que servia pratos super saborosos e muiiito baratos. A conta para 2 com bebidas ficom em R$ 15.

Noodle com frango no 1001 Noodles em Shanghai

Noodle com carne no 1001 Noodles em Shanghai

Mercados

Os mercados/ feiras pela China são super interessantes. Eles priorizam alimentos super frescos, então o mercado de peixes é repleto de peixes vivos, camarões de todas as cores, tubarõezinhos nadando, muitas tartarugas. O açougue que vi por lá não tem nada refrigerado, as carnes ficam ali expostas ao ar livre e vira e mexe um gatinho passa por ali (arghhh). É muito fácil encontrar patos, também, caso queira preparar o famoso pato laqueado.

Alguém quer um pato aí?

Gatinho passeando pelo açougue

A placa já diz tudo, essas barraquinhas estão na cidade inteira. Tirei essa foto antes das 6h da manhã

Mercado de Peixes em Hong Kong

Pra quem quiser mais dicas sobre os lugares que fui, pode me escrever, mas recomendo o site da Lúcia, que é uma brasileira que foi morar em Pequim. Ela é muito fofa e deu dicas preciosas para a nossa viagem, inclusive da maior parte dos restaurantes que coloquei aqui: Lu na China! Tks, Lucia!

 

Anúncios

Responses

  1. Adorei! Agora entendi o q vc comeu além de camarão e frituras (e o que vc NÃO comeu além de minhocas no espeto)….

  2. Oi,lembra de mim Thomazini do Alameda restaurante ,tava com a Lu e ela me mostru o seu blog,é demais
    ganhou um leitor
    depois te mando os comentarios da minha viagem pelo se blog

  3. o:Pepin
    Hummm, quanta coisa diferente!
    Nossa aquele Gafanhoto é muito grande, acho q tb não ia ter coragem de experimentar… mas o resto… =)

  4. Olá!!!!
    Estava super curiosa para saber aonde vc tinha ido!!!
    Nossa, que delícia! Fiquei aqui babando!!! Uma coisa mais gostosa que a outra!
    Vai escrever mais, né???

    • Ixi yumi… não tava pensando em escrever mais não, apesar de que falar sobre a China é demais e tem muitooo assunto!
      Bom, se eu pensar em mais alguma coisa, eu posto, mas se voce quiser perguntar algo especifico, é so falar!

  5. E a minha foto comendo gafanhoto??? Hehehe
    A lesminha tava muito melhor!!!

    • achei que podia chocar os leitores, por isso não coloquei! hahahahahah

  6. Alice, amei seu blog… comida e viagens, tudo de que eu mais gosto! virei sempre te visitar, parabéns!

    • Oi Nadia!
      que bom que voce gostou!
      Passe sempre por aqui e mande comentários!!

  7. nossa!!eu teria acabado com as barrinhas de cereal! certeza!!! kkk
    seu blog á demais!
    bjao

  8. Ai que saudades que deu da china! Hot Pot e dim sum são meus “pratos” preferidos!!!
    Muito bom o blog! Parabens!

  9. adorei as iguarias

    • O que uns chamam de iguarias e pratos exóticos eu chamo de MORTE E TORTURA e puro atraso da humanidade!

  10. Muito interessante. Eu tinha uma concepção errada sobre a comida chinesa (e é o que acontece com muitos), mas lendo o seu blog, aprendi a “gostar” mais culinária chinesa. Deu até vontade de experimentar as comidas exóticas. A sua linguagem é singela e clara, você explica muito bem. Parabéns pelo blog! 😉

  11. Nojento! É deprimente e revoltante o modo que os chineses tratam os animais! Uma verdadeira carnificina a céu aberto onde idiotas vão encher suas barrigas sustentando esse mercado da morte!

  12. Embarco para a China na próxima semana….depois de ler seu blog vou diminuir a quantidade de barrinhas de cereal..rsr…confesso q estava com medo da culinária chinesa…valeu pelas dicas..obrigada

  13. Que horror comer cavalo marinho,estrelas do mar,nada contra os chineses mas eles são uma raça predadora mesmo , destroem toda a natureza maritima


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: